Baile do Zé Rato

Ouvi hoje em uma reunião do Sindicato da categoria a que pertenço na Receita Federal: “Se a gente não tiver um mínimo de entendimento e de respeito isso aqui pode virar o Baile do Zé Rato: Apanho que quase morro, mas bato que quase mato”.

Estamos em pré-eleição sindical, com 3 grupos disputando o poder com muito empenho e ferozes críticas cruzadas. Esse jeito de dizer que se deve buscar a harmonia, que mesmo na disputa deve haver respeito, me chamou a atenção. Os embates e debates devem ser em torno de práticas e de propostas, não em torno de pessoas.

A eleição em Maringá também está um Baile do Zé Rato.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s